segunda-feira, 17 de maio de 2010

Dúvidas dos leitores



Boa noite Marcelo, acabei de encontrar o seu blog no google. Minha esposa é de Araçatuba, mas moramos em Campinas SP. A pouco tempo comprei um terreno no condominio Costa Azul e logo que fui para Araçatuba (a duas semanas) já queria pescar. Como pesco desde criança com o meu Pai, foi só felicidade.

Mas estou procurando mais informações sobre qual o melhor equipamento para pescar no Tiete e para quais tipos de peixes. Pode me ajudar?

Nos dois dias que pesquei foram só porquinhos e vários pacuzinhos (chamam de CD). Na verdade quero pescar outros peixes como o tucunare, dourado, piauzinhos etc. Mas não consegui nada.

Você usa iscas artificiais? Quais modelos para quais peixes?

Tentei pescar com camarão, mas também não deu nada...rs..

Muito obrigado amigo.

Abraços,
Augusto Moura.

Resposta ao amigo Augusto Moura:

Obrigado pelo contato e por visitar o blog. Pescar é uma paixão mesmo, e só nós pescadores para compreender.

O rio Tiete da região está muito piscoso, porém ainda dificil encontrar exemplares muito grandes.

Como viu no blog as espécies mais encontradas são os porquinhos, corvinas, tucunarés, piaus e pacu. O que mais gosto de pescar são os tucunares e piaus.

Para tucunares, costumo pescar tanto com isca artificial quanto com isca viva (camarão e lambari), e as pescarias com melhores resultados são as com isca viva.
Pesco em um local que tem bastante algas no fundo, e na maioria das vezes apoitado. Enquanto pesco tucunarés (com lambari, camarão e pinchadas de artificial) e porquinhos (com camarão), vou jogando ceva de milho azedo, e normalmente na parte da tarde, aparecemos piaus e pacus.
Lembrando que está proibida a pesca do pacu no rio Tietê, então todos devem ser soltos.
Claro que nem toda pescaria é igual ! Às vezes os peixes não aparecem, mas nem por isso deixa de ser boa !
Outra pescaria, a qual eu não gosto muito é a de corvinas. É muito realizada, e raramente não se pega nada. Ela ficam em cardumes, no fundo. Normalmente se amarra o barco em um bóia, ou em uma arvore seca no fundo, joga uns camaroes na agua, e começa. Se acertar é uma atras da outra ! Só que é um peixe bobo, quase sem esportividade nenhuma, mas tem muita gente que gosta. As iscas mais usadas são camarões e lambaris. Existem corvinas na região acima de 4-5 kg.

Quanto ao material, sugiro um material bem leve, vara bem flexível, linha fina, as caracteristicas vão depender de que peixe vai usar.



Se reparar nas fotos do blog, os tucunares pescados na isca viva, são pego com vara telescópica, linha 0,30 - 0,35. Os piaus, são capturados no molinete ou carretilha, vara pequena e flexível, linha 0,30.

Boa pescaria !

2 comentários:

  1. Boa noite Marcelo. Muito obrigado pela ajuda. Gostei muito do blog.

    Não está valendo a pena pescar com iscas artificiais?

    Abraços,
    Augusto Moura.

    ResponderExcluir
  2. Ola Augusto

    Obrigado.
    Embora a pescaria com iscas artificiais seja mais esportiva, principalmente quando utilizado iscas de superfície, as pescaria com iscas naturais (chamada de linguiçar) é muito mais produtiva na nossa região. Depende muito do que você procura na pescaria.
    Aqui no rio Tiete, raramente se pega tucunaré de mais de 1-2 kg, e com tucunares pequenos, a pescaria com vara telescopica (ou bambu) e isca natural são bem esportivas também.
    Comprei algumas iscas artificiais novas e vou testar nesse final de semana. Na semana que vem conto os resultados.

    Abraço

    ResponderExcluir